LUMINOSO

PLAY- CLIQUE PARA OUVIR A WEB RÁDIO CONEXÃO,NET

sexta-feira, 31 de março de 2017

Dia 31 de Março de 1964 - Os Militares assumem o Poder do Brasil contra ameaças COMUNISTAS.

A imagem pode conter: 6 pessoas

Professora Marcia Valeria: Hoje é um dia para refletir no que levou os Militares a assumirem o controle do país. Embora muitos digam ter sido "Golpe Militar" , tenho a certeza absoluta que foi um REGIME MILITAR, que veio defender o Brasil das ameaças das ideologias comunistas. Bem, para quem ainda não se deu conta, estamos passando pelas mesmas ameaças que levou os Militares a assumirem o poder em 64, com muita excelência. Portanto, quem não viveu essa época não pode julgar de ouvir falar. Eu vivi e afirmo, só tinha medo dos Militares os BANDIDOS, GUERRILHEIROS, COMUNISTAS, BADERNEIROS. Pois, tínhamos uma vida tranquila, sem a violência que temos hoje, a Educação e Saúde Pública eram de qualidade, trabalho, segurança, deixaram seu legado e saudades. Existia ORDEM & PROGRESSO!
...OU FICAR A PÁTRIA LIVRE
OU MORRER PELO BRASIL!

Obs.: Deixando bem claro minha posição diante dos acontecimentos,
EU SOU BRASIL, MINHA BANDEIRA É A DO BRASIL!

A imagem pode conter: 5 pessoas

Resultado de imagem para bandeira

quarta-feira, 29 de março de 2017

Dia 03 de Abril - Dia da Merendeira/Cantineira - ATIVIDADES





ATIVIDADES...


Resultado de imagem para dia da cantineira atividades

Imagem relacionada

Imagem relacionada

Imagem relacionada

Resultado de imagem para dia da cantineira atividades

Imagem relacionada




ATIVIDADES - Dia do Hino Nacional do BRASIL 13 de Abril


Imagem relacionada

REGRAS PARA SE CANTAR 
O HINO NACIONAL BRASILEIRO

Está certo bater palmas após o término da execução do Hino Nacional Brasileiro?
Existe posição correta para acompanhar a execução?
Existem regras para cantar o Hino Nacional Brasileiro?

Poucas pessoas sabem que para cantá-lo é preciso seguir um regulamento.
Todos os brasileiros alfabetizados já aprenderam, em algum momento de suas vidas
escolares quais são essas regras, mas poucos se lembram delas na hora de cantar o Hino Nacional.

Todos os eventos de colação de grau, de todas as escolas, sempre têm início com a execução do Hino Nacional Brasileiro.

O Hino Nacional é um dos 4 símbolos nacionais, os outros são a Bandeira Nacional, as Armas Nacionais e o Selo Nacional.

Todos os quatro símbolos nacionais estão devidamente regulamentados pela Lei 5700 de 1 de setembro de 1971 e suas modificações posteriores.

Para começar é preciso saber que o Hino Nacional deve ser cantado com respeito.
Se um povo não respeita seus próprios símbolos, quem respeitará esse povo?

Para cantá-lo devemos estar de pé e com as mãos em uma das seguintes posições:

1. Com a mão direita sobre o peito e braço esquerdo ao longo do corpo,
2. Com ambos os braços ao longo do corpo,
3. Com o braço direito esticado e erguido na altura dos ombros com a mão voltada para a Bandeira Nacional.
Há ainda outra posição, mas essa é dirigida aos militares, que devem ficar em continência.
  Após terminar de cantar, não se deve bater palmas, embora não haja proibição explícita, apenas um impedimento implícito (e até discutível) no Parágrafo único do Artigo 30 da Lei 5700.

A Lei 5700 diz que é obrigatório o ensino do canto e da interpretação do Hino Nacional em todos os estabelecimentos de ensino público ou privado e que é preciso cantá-lo uma vez por semana (Artigo 39, parágrafo único).

COMPOSIÇÃO   
  O Hino Nacional Brasileiro foi composta em 1822, por Francisco Manuel da Silva, chamada inicialmente de "Marcha Triunfal" para comemorar a Independência do país


Compositor: Poema: Joaquim Osório Duque Estrada / Música: Francisco Manoel da Silva

HINO NACIONAL DO BRASIL


Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
De um povo heroico o brado retumbante
E o sol da liberdade, em raios fúlgidos
Brilhou no céu da pátria nesse instante

Se o penhor dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte
Em teu seio, ó liberdade
Desafia o nosso peito a própria morte!

Ó pátria amada
Idolatrada
Salve! Salve!

Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança à terra desce
Se em teu formoso céu, risonho e límpido
A imagem do cruzeiro resplandece

Gigante pela própria natureza
És belo, és forte, impávido colosso
E o teu futuro espelha essa grandeza

Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil
Ó pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil
Pátria amada
Brasil!

II

Deitado eternamente em berço esplêndido
Ao som do mar e à luz do céu profundo
Fulguras, ó Brasil, florão da América
Iluminado ao sol do novo mundo!

Do que a terra mais garrida
Teus risonhos, lindos campos têm mais flores
"Nossos bosques têm mais vida"
"Nossa vida" no teu seio "mais amores"

Ó pátria amada
Idolatrada
Salve! Salve!

Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado
E diga o verde-louro dessa flâmula
Paz no futuro e glória no passado

Mas, se ergues da justiça a clava forte
Verás que um filho teu não foge à luta
Nem teme, quem te adora, a própria morte

Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil
Ó pátria amada!

Dos filhos deste solo és mãe gentil
Pátria amada
Brasil!
(fonte: Portal do Governo Brasileiro)




https://www.youtube.com/watch?v=zZso1kKEzr0 

VOCABULÁRIO

O significado do Hino Nacional se enriquece quando o sentido das
estrofes e das palavras é bem compreendido.
Seguem alguns vocábulos, que não estão em ordem alfabética, mas
sim, na seqüência e no contexto do Hino Nacional.

Plácidas : tranquilas, calmas
Brado : grito
Retumbante : que ecoa, vibrante
Fúlgidos : luz intensa
Penhor : garantia
Idolatrada : muito amada , respeitada
Vívido : cheio de vida
Límpido : limpo, claro
Cruzeiro : constelação do Cruzeiro do Sul
Resplandece : brilha
Impávido: destemido
Colosso : gigante
Esplêndido: maravilhoso , admirável
Fulguras : brilhas
Florão : enfeite, ornamento, joia
Garrida : vistosa, alegre
Risonhos : alegres
Lábaro : bandeira
Ostentas : mostra
Louro : amarelo
Flâmula: bandeira
Clava : pau usado como arma


Hino Nacional para colorir









AMOR E RESPEITO POR NOSSO PAÍS 
E SÍMBOLOS NACIONAIS




PROJEÇÃO DA POPULAÇÃO DO BRASIL
A CADA 20 SEGUNDOS



http://www.ibge.gov.br/apps/populacao/projecao/index.html










sexta-feira, 24 de março de 2017

Aos 42 anos, catadora de lixo aprende a ler com filho de 11 anos



Sandra e Damião

A BBC Brasil voltou ao encontro da catadora de lixo Sandra Maria de Andrade, de 42 anos, e de seu caçula, Damião, de 11 anos, para mostrar a eles a repercussão, em português e inglês, da reportagem sobre eles, que comoveu o país.
Sandra não sabia nem ler nem escrever, mas está sendo alfabetizada com a ajuda do filho.
Ela se emocionou ao ver impressa a própria história. E Damião faz agora planos de aprender inglês.
Assista ao vídeo - e relembre abaixo a história deles:

"Mãe, mãe, quer ler comigo? É uma historinha. E tem figuras". "Desmaiada" em uma rede após horas garimpando lixo na rua, para vender, foi assim - aos sussurros de Damião Sandriano de Andrade Regio, de 11 anos, o mais novo dos sete filhos - que Sandra Maria de Andrade, de 42 anos, começou a decifrar as letras do alfabeto e a despertar para o mundo da leitura.

Até um ano atrás, não sabia ler nem escrever. Em uma casa encravada numa rua de areia em Jardim Progresso, periferia de Natal, no Rio Grande do Norte, ela era o retrato dos 758 milhões de adultos no mundo apo
ntados em um estudo da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), na semana passada, como incapazes de ler ou escrever uma simples frase.

No Brasil, são 12,9 milhões de pessoas ou 8,3% da população com mais de 15 anos.
Sandra não sabia fazer nem o próprio nome. "Espiava" quem visse lendo um livro e pensava "ah, se eu soubesse também. Se tivesse uma coisa que eu pudesse roubar, queria que fosse um pouquinho daquela leitura", disse à BBC Brasil. Ela tentou estudar, mas não pode.
Foi forçada a trabalhar desde cedo. Abandonada pela mãe aos três anos, diz que a avó, com quem passou a morar, lhe entregou a um casal que a impediu de ir à escola. Ela teve de trabalhar na lavoura, em casas de farinha (locais em que mandioca é ralada ou triturada) e fazendo faxina.

Um dia, quando ajudava no cultivo de bananeiras, viu crianças passando na porta com cadernos debaixo do braço. "Queria ir para onde iam, mas diziam: vá trabalhar. E eu chorava". Aos 12 anos, na tentativa de reencontrar a mãe, fugiu. Foi rejeitada. Nunca entendeu o motivo. "Ela não me aceitou. E o homem dela quis me fazer mal nesse tempo. Eu não sabia o que era aquilo", relembra.

Sem família por perto, Sandra passou a viver "na casa de um e de outro" vizinho. "Toda vez que ela (a mãe) trocava de marido eu procurava ela, que era pra ver se me amparava. Mas ela sempre me rejeitou". A menina achava que "a mãe tinha que agarrar os filhos com unhas e dentes". Passou então a "sentir um vazio". Foi viver nas ruas e comer o que achava no lixo."

Um homem lhe ofereceu casa e comida quando tinha 13 anos. Viveram como marido e mulher, tiveram três filhos e uma história que, para Sandra, significou "levar tanta porrada", a ponto de achar que estava morta. Em 12 de junho de 1996, na frente dos filhos, foi golpeada várias vezes com uma faca, teve parte dos cabelos arrancados com os dentes e, já se sentindo dormente depois de tanta dor, chegou a dizer a uma das crianças: "Com fé em Deus, se sua mãe escapar macho nenhum bate mais nela". No dia seguinte, fugiu levando os três filhos.

"Me perguntavam na rua se eu tinha sido atropelada e mandavam eu dar parte dele. Mas eu não tinha instrução, não tinha ninguém pra me apoiar. Meu negócio era sair dali". A ideia de Sandra era "enfrentar o mundo".

A vida sem ler


Mas o mundo, quando tinha letras estampadas, "era como uma folha em branco" que dificultava até a hora de pegar um ônibus. Em busca de ajuda, ela precisava confidenciar a quem cruzasse o seu caminho: "Eu não sei ler". E pedia: "Você pode ler pra mim?".


Sandra e Damião

Mas, sofrimento maior foi, anos depois, fazer a carteira de identidade e ter de estampar no documento a impressão digital em vez da assinatura. Fruto de um segundo casamento e com aproximadamente três anos de idade, Damião, ouvindo a mãe mensurar o tamanho da vergonha, "muito grande", fez um pacto com ela naquele dia: "Eu vou aprender e, quando aprender, vou ensinar à senhora".
A mãe já catava lixo para vender à reciclagem e a outros compradores que batem à porta. A essa altura, não sabia o que era carteira assinada, estava separada do segundo marido e carregava a tristeza de ter enterrado quatro dos sete filhos - todos ainda na infância, vítimas de doenças que acha difícil explicar, e uma das filhas após um atropelamento.
Ver Damião ir e voltar da escola era um dos momentos de alegria. Cada dia que o filho chegava, contava a ela, "já morta de cansaço", tudo o que havia lido e aprendido. Ela se orgulhava: "Ele vai ser o que eu queria ser".
Damião também tinha o estímulo da professora. Ela dava aulas de reforço e o incentivava a pegar livros na escola. "Foi com esses livrinhos que tudo foi se desenganchando" para Sandra. "Eu tomava banho, deitava na rede, ele vinha e me chamava pra ler. Eu queria ver os desenhos, mas também queria aprender as letras. Ficava curiosa."
O mais próximo que ela havia chegado da escola foi em uma turma de jovens e adultos em que aprendeu o "ABC", mas que acabou abandonando por não parar de ter dúvidas e travar sempre que chegava no "e", letra que traduz como "uma agonia de vida". Ela ficava "apavorada" por não saber. "Sentia revolta".
Damião desvendou o "e" para a mãe explicando que era o mesmo que um "i", só que fechado e sem o ponto. O "h" virou uma cadeirinha" e o R o mesmo que um B, só que "aberto". Ele começou a ensinar as letras do nome dele e as letras do nome dela. Até Sandra aprender a escrever.
"Quando eu aprendi, disse: vou fazer outra identidade que é pra quando chegar nos cantos eu dizer: eu sei fazer meu nome. Pra mim, já era tudo eu saber. Chegar lá, o povo dizer assine aqui e eu dizer: agora eu já sei, não sinto mais vergonha".
Sandra e Damião
Escrever o próprio nome foi uma conquista. A palavra "mãe" também. Em uma reunião da escola, "morreu de felicidade" ao assinar a primeira vez como responsável da criança. "Tinha que escrever o que eu era dele. Eu escrevi mãe, caprichado, bem grande."
Damião, devotado à mãe, quer ir além. "Eu quero ver ela aprendendo comigo. Quero que aprenda as palavras que ela sente aqui dentro. Ela gosta de falar amor, paixão. Já sabe um monte de palavras. Ela sabe as mais simples".

Leitura

Mãe e filho leram, juntos, 107 livros em 2016, se considerados apenas os contabilizados na escola. A lista, porém, fica maior se incluir outros títulos que Sandra encontrou no lixo. O preferido dela, faz questão de dizer, "é Ninguém nasce genial". "Escrevi meu nome nele. Porque ninguém nasce gênio. Porque eu achava que não precisava mais saber, achava que era tarde pra saber."
Para Damião, outro livro foi mais impactante. Tratava da história de um anjo que vivia acorrentado e só conseguiu se libertar quando ensinou um ser humano a rezar e os dois viraram amigos.

"É tipo eu e minha mãe. Eu estou ensinando uma coisa a ela e ela me ensina outra. Eu era novinho, ela me cuidava, eu cuidava dela. Ela dava um abraço em mim eu dava dois. Foi assim que nós começamos a nos amar."
Sandra e Damião
O menino também leu sobre aventuras, amizade, paixão e amor ao próximo.
Nesses momentos, diz que "vai pra outro mundo". Que fica com "uma imaginação infinita".
"Eu quero que a leitura me leve pra qualquer canto", diz. Neste ano, irá para o 6º ano na escola.
Na casa onde divide cada palavra que aprende com a mãe, a ajudou a escrever, na parede da frente, uma mensagem em letras verdes, maiúsculas: "CANTINHO DA FELICIDADE ONDE HÁ DEUS NADA FALTARÁ".
Reportagem e imagens: Renata Moura / Edição: Ana Terra
http://www.bbc.com/portuguese/brasil-39310408

terça-feira, 21 de março de 2017

Dia Internacional da Síndrome de Down


Resultado de imagem para dia da sindrome de down 2017









Dia Internacional da Síndrome de Down é celebrado anualmente em 21 de março.
A data tem o objetivo de conscientizar as pessoas sobre a importância da luta pelos direitos igualitários, o seu bem-estar e a inclusão dos portadores de Down na sociedade.
A Síndrome de Down não é uma doença, mas sim uma mutação do material genético humano, presente em todas as raças.
Os motivos para a ocorrência da Síndrome de Down ainda são desconhecidos, mas o que se sabe é que começa na gestação, quando as células do embrião são formadas com 47 cromossomos, sendo que o normal seriam 46 cromossomos.

Origem do Dia Internacional da Síndrome de Down

O Dia Internacional da Síndrome de Down é celebrado em 21 de março (21/03), fazendo alusão aos 3 cromossomos no par número 21, característico das pessoas portadoras da Síndrome de Down.
A data foi escolhida pela Down Syndrome International, através da ideia do geneticista Stylianos E. Antonarakis, da Universidade de Genebra.
O Dia Internacional da Síndrome de Down está no calendário oficial da Organização das Nações Unidas, sendo comemorado pelos 193 países-membros da ONU.

Atividades para o Dia Mundial da Síndrome de Down

O principal objetivo da celebração desta data é de informar e conscientizar as pessoas sobre o que é a Síndrome de Down. Para isso, escolas e instituições aproveitam para promover algumas atividades, como:
  • Palestras sobre a Síndrome de Down;
  • Peças de teatro com pessoas portadoras da Síndrome;
  • Workshops para os pais das crianças com Síndrome de Down;
  • Campeonatos esportivos entre os portadores da Síndrome.
  • Caminhada ou corrida solidária para divulgar as campanhas de formação da criança com Síndrome de Down.
Resultado de imagem para dia da sindrome de down 2017

quarta-feira, 15 de março de 2017

ENEM 2017 - Inscrições em MAIO

Novidades no Enem 2017 foram anunciadas hoje pelo MEC! O Ministério da Educação (MEC) confirmou na manhã desta quinta-feira (09) significativas mudanças no Enem 2017 – Exame Nacional do Ensino Médio. As provas já têm data escolhida. A novidade é que a aplicação acontecerá em dois domingos, dias 05 e 12 de novembro.
As alterações no Enem 2017 foram confirmadas após o MEC finalizar a consulta pública sobre o Exame, realizada entre os dias 18 de janeiro e 17 de fevereiro. Ao todo, mais de 600 mil estudantes brasileiros acessaram a página do Ministério da Educação durante a consulta.

Provas do Enem 2017 serão aplicadas em dois domingos seguidos: sabatistas não serão mais prejudicados

A mudança que mais chamou atenção foi a alteração nos dias de prova do Enem 2017. A partir desta edição, o Exame será aplicado em dois domingos sucessivos. Neste ano, as datas escolhidas foram 05 e 12 de novembro.
Nas edições anteriores, as provas eram aplicadas em um mesmo final de semana, nas tardes de sábado e domingo. A alteração beneficiou principalmente os estudantes sabatistas, que guardam os sábados por convicção religiosa. Até então, eles precisavam se apresentar no mesmo horário dos demais, permanecendo isolados em salas específicas até o sol se pôr. Além do transtorno aos participantes, o fato custou R$ 646 mil no último Enem, quantia que será economizada.

Provas de Linguagens e Matemática não serão no mesmo dia: cadernos de questões serão personalizados com nome dos candidatos

Enem 2017 Inscrições
Outra mudança relacionada aos dias de aplicação diz respeito às provas do primeiro e segundo domingo. Agora, no primeiro dia serão aplicadas as questões de Linguagens, Ciências Humanas e redação do Enem 2017, em um período tempo de 05h30min.
No segundo domingo serão aplicadas as provas de Matemática e Ciências da Natureza, com duração de 04h30min.
A partir deste ano, os cadernos de prova serão personalizados. Visando garantir uma maior segurança e controle de possíveis extravios, por exemplo, os cadernos terão impressos o nome e o número de inscrição do participante. Por sua vez, serão mantidas as quatro cores diferentes em cada dia.

Candidatos com cadastro no CadÚnico serão isentos da taxa de inscrição do Enem 2017: isentos que faltarem nos dias de prova podem perder o benefício no ano seguinte

Além da isenção automática aos candidatos que concluem o ensino médio em escolas da rede pública, os estudantes que tiverem cadastro no CadÚnico do Governo Federal, que reúne famílias em situação de pobreza e pobreza extrema, também receberão isenção da taxa de inscrição do Enem 2017.
Se o participante solicitar isenção e não comparecer à aplicação do Exame, será excluído o direito de pedir o benefício na edição seguinte. A penalidade não será aplicada apenas a quem justificar a ausência por meio de atestado médico ou documento qualquer outro documento oficial que justifique e comprove o motivo da falta.

Atendimento especializado deve ser solicitado no momento da inscrição

Os candidatos que necessitarem de atendimento especializado nos dias de prova, deverão solicitar tempo adicional no ato da inscrição. Para isso, será necessário apresentar um documento que comprove a necessidade em questão.
Na edição do ano passado, mais de 68 mil portadores de deficiência solicitaram atendimento especializado nos dias de aplicação do Exame.

MEC não divulgará ranking do Enem 2017 por escola: certificação do ensino médio também foi extinta

Defendendo o ponto de vista de que o Exame não pode ser mais considerado um instrumento de avaliação das escolas, a presidente do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), confirmou que não haverá mais a divulgação do resultado por ranking de escolas do país.
Outra novidade que já havia sido comentada, foi confirmada pelo MEC. A partir de agora, as provas não serão mais utilizadas como mecanismo de certificação do ensino médio. A certificação do ensino fundamental e médio, de agora em diante, será realizada pelo Encceja (Exame Nacional de Certificação De Competências de Jovens e Adultos).
Enem 2017 terá Provas em dois Domingos

Cronograma do Enem 2017 já foi confirmado pelo MEC: inscrições serão entre 08 e 19 de maio

O Ministério da Educação também já confirmou as principais datas da edição deste ano. O edital do Enem 2017 será publicado pelo Inep no dia 10 de abril. No documento estarão os detalhes sobre as novas regras do Exame. Por isso, é indispensável que todos os participantes leiam.
período de inscrição do Enem 2017 foi confirmado para o mês de maio, conforme já havíamos adiantado aqui em nossa página. Os estudantes de terão entre os dias 08 e 19 de maio para se registrarem no portal do MEC, na página http://enem.inep.gov.br/participante.
data de divulgação do resultado do Enem 2017 também já foi confirmada. De acordo com a organização, os candidatos terão acesso às suas notas a partir do dia 19 de janeiro de 2018.
Para continuar informado de todos os detalhes sobre as provas deste ano, continue visitando nosso site e curta a página do Enem 2017 no facebook. Se ainda tiver dúvidas, deixe um comentário e conte com nosso apoio!

quinta-feira, 9 de março de 2017

ATIVIDADES... Dia 14 de Março - Dia da Poesia






DIA NACIONAL DA POESIA 

     A poesia é a arte da linguagem humana, do gênero lírico, que expressa sentimento através do ritmo e da palavra cantada. Seus fins estéticos transformaram a forma usual da fala em recursos formais, através das rimas cadenciadas.
     As poesias fazem adoração a alguém ou a algo, mas pode ser contextualizada dentro do gênero satírico também.
     Existem três tipos de poesias: as existenciais, que retratam as experiências de vida, a morte, as angústias, a velhice e a solidão; as líricas, que trazem as emoções do autor; e a social, trazendo como temática principal as questões sociais e políticas.
     A poesia ganhou um dia específico, sendo este criado em homenagem ao poeta brasileiro Antônio Frederico de Castro Alves (1847-1871), no dia de seu nascimento, 14 de março.
     Castro Alves ficou conhecido como o “poeta dos escravos”, pois lutou grandemente pela abolição da escravidão. Além disso, era um grande defensor do sistema republicano de governo, onde o povo elege seu presidente através do voto direto e secreto.
     Sua indignação quanto ao preconceito racial ficou registrada na poesia “Navio Negreiro”, chegando a fazer um protesto contra a situação em que viviam os negros. Mas seu primeiro poema que retratava a escravidão foi “A Canção do Africano”, publicado em A Primavera.
     Cursou direito na faculdade do Recife e teve grande participação na vida política da Faculdade, nas sociedades estudantis, onde desde cedo recebera calorosas saudações.
     Castro Alves era um jovem bonito, esbelto, de pele clara, com uma voz marcante e forte. Sua beleza o fez conquistar a admiração dos homens, mas principalmente as paixões das mulheres, que puderam ser registrados em seus versos, considerados mais tarde como os poemas líricos mais lindos do Brasil.

Castro AlvesResultado de imagem para dia da poesia atividadesDIA DA POESIA : ATIVIDADES, POEMAS, TEXTOS ,LEITURA, EXERCÍCIOS E DESENHOS PARA IMPRIMIR





 
















Fonte:http://wwwmarcelacristina.blogspot.com.br/2014/03/dia-nacional-da-poesia14-de-marco.html








Marcadores

- Diversos ABUSOS NA EDUCAÇÃO Além Paraíba-MG Alfabetização AMOR ...♥ Artes Artesanato Assuntos Diversos para Comentar Atividades Diversas Atividades para confeccionar com os alunos Avaliação Diagnóstica Bíblia Biografia Biologia Bordas e Certificados Capas para Cadernos Cidadania Ciências COMUNISMO Congresso Infantil Coordenação Motora Curiosidades Datas Comemorativas Deficiência Visual Desenhos e Figuras para Atividades Diversas Dia das Mães Dia do Índio - 19 de Abril Dia Mundial da Educação 28 de Abril Dinâmicas em Grupo Diversos Documentário Doenças Doutrinação; Livros; DVDs - Diversos Educação Educação Básica Educação Especial; Educação no Trânsito Educadores ENEM Ensino Religioso Ensino Especial; Ensino Fundamental - 1ª Fase Ensino Fundamental - Ensino Médio Ensino Fundamental 6º ao 9º Ensino Médio Ensino Religioso Entrevista Epidemia Escola Bíblica de Férias Escola Bíblica Dominical Esporte Estações do Ano Família; Férias Festa Junina FICAADICA FICAADICA... Figuras Diversas Filosofia Fonoaudiologia Geografia Guerra Guerra no Brasil HANG OUT HANGOUTS; Orientação Educacional; reuni[a0 HANGOUTS; Orientação Educacional; Reunião Pedagógica; Política; Informação; ABUSOS NA EDUCAÇÃO; WEBRADIOLIVRE.ORG HANGOUTS; Orientação Educacional; Reunião Pedagógica; Política; Informação; ABUSOS NA EDUCAÇÃO;WEBRADIOLIVRE.ORG História História da Educação ... e no Brasil; IDEOLOGIA DE GÊNERO Inclusão e/ou Deficiências Diversas Informação informação. informação. 1 de Maio Dia do trabalhador interdisciplinaridade Jardim Jogos e Brincadeiras Jovens l - Ensino Médio Lateralidade LEIS Leituras Diversas Lembrancinhas Libras Literatura Infantil Livros - Títulos... Louvor Matemática Material Didático; Meditação Mensagens Diversas Meu Canal YOUTUBE Motivação Músicas Diversas Natal Oração. orientação Educacional; Orientação Pedagógica Palavra do Dia. Para Reunião com Responsáveis Paralisia Cerebral Páscoa Pedagogia Pedofilia PNE Poemas POLÍTICA Política - Geral Português Projetos/Planos Psicologia Psicomotricidade Psicopedagogia. Reciclagem Regime Militar; Reportagem Reunião Pedagógica Reunião Pedagógica reunioes: Pedagógicas e / or Funcionários Reuniões: Pedagógicas e/ou Funcionários reunioes: Reunião Pedagógica Sala de Aula Alfabetizadora Saúde Sociologia Teatro - Fotos e Textos Temas Educacionais Textos Diversos Trabalhando os Sentidos Trava Língua Vacinação vídeo Vídeos Educacionais Vivendo a História do Brasil Sangrento no século XXI WEB RADIO

PESQUISE POSTAGENS NO SITE

Filmes Educacionais

  • Escritores da Liberdade
  • Filhos do Silêncio
  • Meu Mestre minha Vida
  • Nell
  • O Livro Perigoso
  • O Milagre de Anna Sullivan
  • O Nome da Rosa
  • O Triunfo
  • O Óleo de Lorenzo
  • Sociedade dos Poetas Mortos

Contadores

Clique em PARTICIPAR deste site. OBRIGADA e Volte sempre!

"Feliz aquele que transfere o que sabe
e aprende o que ensina."
(Cora Coralina)

Feliz Dia das Crianças para todos!
Responsabilidade, Honestidade e Pontualidade faz parte de nossas vidas e temos que estar atentos para não pecarmos nessas áreas. Isso faz parte do ser adulto. Mas nada nos impede de sermos crianças em alguns momentos, principalmente na humildade e sinceridade. Só que a sinceridade as vezes ofende, pois as pessoas não estão preparadas para ouvirem a verdade, mesmo que venha da boca de uma criança.

Professora Marcia Valeria-2010.

INSTITUTO NACIONAL EDUCAÇÃO DE SURDOS

PARTICIPE!

CANAL - Professora Marcia Valeria

Loading...

Google+ Followers

ACESSOS...



1.000.000 Acessos

Meus Agradecimentos...


16/11/2013 - 1.500.000 Acessos! Obrigada Senhor!




Recent Visitors